Camarão na Moranga


Quase todo mundo tem sua receita de camarão na moranga. Eu gosto de mudar de vez em quando alguns ingredientes sem perder a originalidade.
Não é um prato que se faz todas as semanas e nem podemos classificar de light, mas é muito bom!



Você vai precisar de,

1 moranga de bom tamanho
sal de ervas
azeite ou óleo vegetal

Para o molho
1 kg de camarões da sua preferência
5 dentes de alho amassados
1 cebola picadinha
1 xícara (de chá) de molho de tomate
1 xícara (de chá) de tomatinhos cereja
1 xícara (de chá) de ervilhas*
1/2 xícara (de chá) de leite de coco
sal rosa do himalaia __ ou sal comum
1 colher (de sopa) de amido de milho diluída em 1/2 xícara de água
1/2 xícara (de chá) de cheiro verde picadinho
1 xícara (de chá) bem generosa de queijo cremoso __ nesta receita usei um requeijão em tablete que encontro aqui na minha cidade. Pode ser o tradicional catupiry ou outro de sua preferência
pimenta rosa para decorar 


Depois de higienizar a moranga retirando as sementes, passo azeite dentro com sal de ervas, mostro como faço este sal  aqui. Besuntar com azeite por fora também. Levar ao forno a 200° por aproximadamente 40 minutos ou até que fique macia.

Enquanto isso, lavar bem os camarões e deixar no suco de 1 limão por 20 minutos. Secar antes de refogar.
Numa frigideira aquecer o azeite com dois dentes de alhos amassados e refogar os camarões por dois minutos.Reserve.

Numa panela refogar no azeite o restante do alho com a cebola.  Acrescentar os tomatinhos cortados ao meio, o molho de tomate, as ervilhas, sal a gosto. Deixar ferver por cinco minutos.

Acrescentar os camarões reservados, o leite de coco, e o amido. Ferver por 3 ou 4 minutos até ficar cremoso, e terminar colocando o cheiro verde. Desligar o fogo. Retirar a moranga do forno, secar a água que se formou dentro. Colocar metade do queijo cremoso no fundo, o molho e cobrir com o restante de queijo. Salpicar pimenta rosa e levar ao forno somente para gratinar.

Arroz branco e batata palha é o bastante!

*prefiro ervilhas congeladas. Se usar em lata prefira as importadas que são mais firmes e não se desmancham.







Denise Moraes

Apaixonada por aromas e sabores da culinária.

0 comentários: